terça-feira, 26 de maio de 2009

Revista Conta Mais- Charme Básico


Fonte:http://www.escala.com.br/contamais.asp- ED. 441 de 29 de Maio 2009.

RAQUEL NUNES COMEMORA SUA ELOGIADA ATUAÇÃO EM A LEI E O CRIME: 'VIVO A VIDA QUE EU SEMPRE QUIS

A primeira temporada do seriado A Lei e o Crime, da Record, chega ao fim no início de junho, e entre as atuações mais elogiadas pela crítica está a da atriz Raquel Nunes, que faz o papel de Olímpia, mulher do protagonista Nando (Ângelo Paes Leme). "Me esforcei para achar o tom da personagem, que é bem diferente da delegada Maria do Carmo, que interpretei em Vidas Opostas, meu último trabalho. A Olímpia é muito sofrida, vive situações-limite todo o tempo, mas tem uma força escondida por trás da aparente fragilidade. O amor dela pelo Nando é o que move a personagem, é um amor raro e torço para que os dois tenham um final feliz", comenta a atriz. Sucesso de audiência nas noites de segunda feira, o seriado já foi estendido de 16 para 23 capítulos e a segunda temporada está prevista para o final de 2010.

À primeira vista ninguém reparou, mas Raquel Nunes estava acabando de sair de uma licença-maternidade quando começou a gravar os primeiros episódios do seriado policial. Seu filho, Bernardo, hoje com um ano e três meses foi a realização de um sonho construído junto com o marido, o analista de sistemas Bruno Novaes, com quem está casada desde 2005. "Quando me casei eu já me via dali a cinco anos ainda casada, com filhos e trabalhando bastante como atriz. Vivo a vida que eu sempre quis, o que me faz feliz. A Olímpia foi minha primeira personagem depois de ser mãe, me sinto mais amadurecida e ela é um marco na minha carreira", conta Raquel, que é romântica por natureza e planeja ter mais uma menina, daqui a uns quatro anos.

Aos 32 anos, a atriz não teve nenhuma dificuldade para recuperar o corpão que conquistou com muita dança, musculação e exercícios aeróbicos. "Sou bailarina formada, já fiz jazz, balé, sapateado, e não posso ouvir uma música que quero sair dançando, está no meu sangue. Já a malhação não é muito a minha praia não, principalmente correr na esteira, acho muito chato, mas faço quando é necessário. Felizmente tenho tendência para emagrecer e não preciso muito. Quando me preparei para fazer uma policial , que ia precisar aparecer em cenas de ação , peguei pesado na musculação e fiquei com o corpo bem definido, mas depois da gravidez perdi quase toda a massa muscular e fiquei com a barriga um pouco flácida. Tive que correr atrás do prejuízo e voltei a malhar pesado, com meu personal", conta ela, que já voltou aos 53 kg, ideais para seu tipo físico mignon, com 1,65 de altura.

Antes de assinar contrato com a Record, Raquel Nunes nunca havia tido tanto destaque com suas personagens. A atriz fez várias participações em novelas e programas da Rede Globo. Estreou em 1990, em Lua Cheia de Amor, fez Malhação, Vira Lata, A Padroeira, Celebridade, O Quinto dos Infernos e Zorra Total, entre outros trabalhos, mas foi quando mudou de emissora que viu sua carreira deslanchar. "Em 2005, fui para a TV Record interpretar a Júlia, em Essas Mulheres, depois fiz Prova de Amor e Vidas Opostas. Paralelamente pude também fazer teatro e cinema. Ainda quero sentir o desafio de fazer uma vilã bem má na televisão, uma bem diferente de mim, que me leve a buscar novos recursos como atriz", conta ela, que se tiver uma menina, já combinou com o marido que o nome será Júlia, em homenagem à sua primeira personagem na Record. Enquanto aguarda o começo das gravações da segunda temporada de A Lei e o crime, ela aproveita o tempo livre para curtir a família.

FONTE:http://www.jornalpequeno.com.br/2009/5/24/Pagina109364.htm


segunda-feira, 25 de maio de 2009

Para Todos

O clima de amizade parece ter tomado conta da equipe de "A Lei e o Crime". O seriado, cujo ultimo capitulo vai ao ar no dia 8 de Junho, terá uma festa de despedida organizada por ninguem menos que Ângelo Paes Leme, protagonista da trama. E o evento não será para poucos: alem do elenco , a despedida vai contar tambem com quem "rala" atrás das câmeras: o pessoal da técnica.

Fonte: http://www.otempo.com.br/supernoticia/noticias/?IdEdicao=668&IdCanal=5&IdSubCanal=3


Novas Fotos dos bastidores da Lei e o Crime























quarta-feira, 20 de maio de 2009

sexta-feira, 15 de maio de 2009

23/01/2007 - 16h15 Raquel Nunes recorre à dieta e aos exercícios para interpretar policial



Bastam 20 minutos de corrida na esteira para tirar o bom humor de Raquel Nunes. Em cinco meses de malhação, a atriz ainda não conseguiu se acostumar e, obviamente, criar uma relação mais próxima com o aparelho. "Irrita ficar ali correndo. Mas é necessário", resigna-se.
Apesar do nariz torto para o exercício, ela sabe o quanto seu corpo foi transformado ao longo de um período intenso de suor e força. "Sempre fui magra, mas comecei a ver uma sobrinha aqui, uma celulite ali. O pior mesmo era notar uma barriga que não tinha antes", revela a bela de 29 anos, que procurou a ginástica e a musculação para dar contornos mais firmes a Maria do Carmo, a destemida policial que interpreta em "Vidas Opostas", da Record.
Com 1,65 m de altura e 53 quilos, Raquel não precisaria se preocupar demais com a boa forma. Mas como em cena teria de aparecer correndo, saltando e rolando pelas vielas atrás de bandidos, decidiu que era hora de pegar firme numa atividade física. "Eu era preguiçosa. Aparecia na academia uma vez por semana e olhe lá", confessa.
Assim que leu a sinopse da personagem, tratou de procurar uma nutricionista. De posse de um cardápio mais balanceado que inclui muita salada -prato que Raquel simplesmente deixava de comer nas refeições-, e carnes magras, a bela pensou em não fazer tudo sozinha. Procurou o "personal trainer" Marcelo Barbosa e tentou seguir à risca os planos de aulas. "No começo, ela era muito resistente. Tinha que ficar em cima e tomar conta principalmente dos exercícios aeróbicos. A Raquel tem tendência a emagrecer", conta o professor.
E, quando emagrece, a massa muscular da atriz também vai embora. O que fica no lugar é flacidez. Com a musculação, Raquel ganhou mais tônus, visível no contorno que ganhou nas pernas e braços. Os glúteos também estão mais duros e empinados. "Toda mulher sonha com um bumbum durinho", brinca ela, que divide a carga de exercícios em 40% para os braços, peitoral e costas, e 60% para a parte inferior do corpo.

Quando está nos aparelhos de musculação, Raquel não sente a mesma irritação que lhe causa a esteira. Com o passar dos dias, aprendeu a ser disciplinada e confessa sentir falta de se mexer quando não pode ir à academia. "Quando viajo, tenho necessidade de fazer alguma coisa. Se não dá para fazer nada, pelo menos corro na praia", conta.

A genética de Raquel também parece das boas. Em três meses de atividades físicas, ela já tinha conseguido diminuir o percentual de gordura de 25% para 15%. "O metabolismo dela é acelerado e com os exercícios e a dieta isso melhorou ainda mais", explica Marcelo. Raquel bate ponto na musculação pelo menos duas vezes por semana e se exercita durante uma hora e meia. "Saio muito mais disposta para trabalhar, minha concentração melhorou e meu sono está ótimo", Raquel aprendeu também a não passar muito tempo sem comer. A cada duas horas, ataca uma fruta ou uma barra de cereais para não deixar um buraco no estômago. "Antes comia muita porcaria", admite a atriz, que na dieta só não restringiu uma mania de menina. "Toda tarde tomo meu café com leite e meu pão com manteiga", diz a moça, que também carrega chocolates na bolsa. "Mas só como duas vezes por semana", avisa.

Raquel acredita que os exercícios deram a ela mais segurança em cena. "Outro dia gravei de lingerie e até o diretor falou de como meu corpo tinha mudado. Em 'Prova de Amor' fiz algumas cenas de biquíni e não senti a mesma confiança", observa. A ralação nos aparelhos de musculação também ajudaram a atirar com as armas de sua personagem na novela e a fazer cenas onde o perigo é constante. "Tenho dublê, claro, mas gosto de vivenciar a cena. Outro dia, gravei uma em que havia perseguição de carros. Se não estivesse com bom condicionamento não conseguiria sair do carro, correr e ainda atirar", avalia.

Fonte:http://celebridades.uol.com.br/ultnot/2007/01/23/ult4233u10.jhtm

Revista Corpo a Corpo- Ed. 239 21 mulheres e seus truques de beleza


No mês de aniversário da Corpo, conversamos com 21 mulheres, famosas ou não, sobre aparência. Descobrimos que todas gostariam de mudar algo em si. Assim, lançam mão de truques e táticas, que disfarçam ou eliminam o incômodo para sempre. Aprenda com elas!

"Em 2000 fiz uma cirurgia estética. Eu achava, quando pequena, que, quando prendia os cabelos, minhas orelhas ficavam viradas para fora. E isso me incomodava muito. Hoje já posso usar o cabelo preso, bem puxado, que minhas orelhas estão lá, lindas, grudadinhas!"

Raquel Nunes, 31 anos, atriz

Fonte: http://corpoacorpo.uol.com.br/edicoes/239/artigo113753-1.asp

Revista: Corpo & Plástica de Setembro de 2005 Matéria: Beldades - Raquel Nunes

Apresentadora e atriz. do Zorra Total, da Globo A sortuda perde o peso com facilidade e nem esquenta com dietas ou sacrifícios. Sem contar que é chocólatra. "Não fico sem comer um pedacinho de chocolate todos os dias", diz. Alimenta-se com muita salada, verduras e frutas. Faz dança, musculação e drenagem linfática na Clínica de Estética Wanda Frank no Rio. Começou um programa de atividades físicas na All Fitness com o personal trainer Marcelo Barbosa. Seu ritual de beleza é recomendado pela Drª. Andrea Serra e se resume em sabonetes com vitamina C, Tônico da Nívea e creminhos para região dos olhos da La Roche Posay. No corpo gosta de passa um óleo de banho que deixa e pele hidratada e macia e com brilho especial.

quinta-feira, 14 de maio de 2009

O poder terapêutico do amor

Especialistas garantem: pessoas que vivem uma relação estável e de cumplicidade têm a saúde fortalecida

POR GISLANDIA GOVERNO , RIO DE JANEIRO

Rio - Um relacionamento estável e de cumplicidade só faz bem. E não apenas ao coração, mas à saúde como um todo, garantem especialistas. Fortalecimento do sistema imunológico, maior fluxo sanguíneo, diminuição da ansiedade e do estresse, aumento na autoestima, melhora do sono e até mais viço na pele e nos cabelos são benefícios do amor.

“Quando estamos apaixonados, nosso organismo passa por diversas alterações neuroquímicas, relacionadas, principalmente, com a serotonina e a norepinefrina, que são neurotransmissores ligados aos transtornos do humor. Níveis aumentados dessas substâncias nos deixam mais confiantes, com maior energia vital. Essas alterações também nos ajudam a ter um melhor convívio social e profissional. Portanto, namorar é preciso”, destaca o psiquiatra Ervin Cotrik, do Instituto de Psiquiatria da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

A psicóloga Valésia Vilela ainda reforça: uma troca afetiva saudável — com respeito, cumplicidade e vida sexual regular e prazerosa — é a receita perfeita para a melhor qualidade da saúde física e mental. “Casais que conseguem desenvolver relacionamentos estáveis, com graus elevados de intimidade e afetividade, tornam-se pessoas mais saudáveis, alegres e produtivas. Isso ocorre porque as pessoas têm sua autoestima fortalecida, o que lhes possibilita uma visão de mundo mais positiva”, acrescenta a especialista.

Pesquisas recentes desenvolvidas pelo Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos Estados Unidos (HHS) relacionadas à saúde e ao casamento revelam que pessoas casadas vão menos a consultas médicas e permanecem menos tempo em hospitais.

Há três anos com o analista de sistemas Bruno Novaes, 29 anos, a atriz Raquel Nunes, 28, garante que sua saúde e disposição só melhoraram depois do casamento. “Quando você tem um amor verdadeiro, tranquilo, a vida fica melhor em todos os aspectos. Depois que casei, a ansiedade diminuiu e passei a me sentir mais calma, disposta e segura para encarar os desafios. Os problemas também ficam pequenos, e não caio mais doente com frequência. Amar é mesmo um santo remédio!”, brinca a atriz, que interpreta a Olímpia, da série ‘A Lei e o Crime’, na Record.

Fonte: http://odia.terra.com.br/portal/cienciaesaude/html/2009/5/o_poder_terapeutico_do_amor_9841.html

segunda-feira, 11 de maio de 2009



Feliz Dia das Mães Quelzinha!!!!!




Quel;

Ser mãe é mesmo um dom divino. É saber se desdobrar em cuidados e atenções para com seus filhos. É saber conduzi-los do ventre à vida, do berço à maturidade. É saber ser amiga e companheira em todos os momentos. É não medir esforços para dar aos filhos segurança. Ser mãe é ser co-autora da obra da criação mais perfeita de Deus. Ser mãe é ser portadora da forma mais sublime de amar. Ser mãe é trazer dentro de si a esperança de que seus filhos serão e farão tudo para serem felizes. Amiga, você se encaixa perfeitamente nessa descrição. Por isso, no seu dia, a minha justa homenagem. Feliz dia das Mães !

Com Amor e Carinho Anninha

sábado, 9 de maio de 2009

Feliz dia das MÃES... ;)


O segundo domingo de maio é Dia das Mães, de todas elas.
Ser mãe, é algo divino sem explicação, é um sentimento muito lindo que invade sem limites, um sentimento eterno que faz virar uma protetora incondicional.É amar alguém intensamente, mesmo sem ter visto o rostinho ou ter tocado nesse serzinho que você carrega em seu ventre e que ainda não lhe foi apresentado, mas que você já tem grande amor por ele.Ser mãe, é esperar nove meses por uma pessoinha, com a certeza que ela veio parta te fazer muito, muito feliz.É vibrar há cada sorriso, há cada gesto novo que essa pessoinha virá a fazer, que para você será um momento mágico, será uma vitória para ele e para você, pois você fez parte desse instante.Ser mãe, é ficar admirando o sono de seu filho(a) e imaginando como será o seu futuro, e com os olhos cheio de lágrimas, você reza nesse momento para que tudo de certo em sua vida, e você sabe que essa pessoinha nem sempre vai poder estar bem protegida nos teus braços, por que em algum momento de sua vida ele terá que seguir sua vida e aprender a andar com suas próprias pernas.Em fim! Ser mãe, é agradecer há Deus todos os dias, por ele ter dado a você o dom divino de gerarmos o ser que fará a pessoa mais feliz do mundo e transformar nessa pessoa maravilhosa que é "mãe" palavra tão pequena com significado infinito.
Quel,
Feliz diia das MÃES
Bjoos Ingrid :)